quinta-feira, 16 de agosto de 2012

Como vender ou alugar um imóvel sem imobiliária

 


Por Juliana Américo Lourenço da Silva 
A A A
chaves - casa própria - imóveis

SÃO PAULO – Quem pretende vender ou alugar um imóvel e não quer contratar uma imobiliária para economizar com a comissão pode publicar anúncios gratuitos em diversos sites brasileiros. O preço de tabela da comissão das imobiliárias para a venda de um imóvel usado é de 6% do valor da propriedade. Caso o imóvel seja vendido por um 1 milhão de reais, portanto, a comissão pode chegar a R$ 60 mil.
É verdade que qualquer pessoa também pode colocar uma placa de "vende-se" na porta do imóvel com o contato do proprietário para fugir da imobiiliária, mas os sites têm como atrativo não apenas a gratuidade como também o oferecimento de alguns serviços. Muitas páginas permitem incluir fotos e alguns até suportam vídeos que mostram melhor a propriedade aos interessados. Confira alguns locais onde é possível divulgar seu imóvel sem gastar nada.
Apontador (http://www.apontador.com.br/): o site disponibiliza ao anunciante ferramentas para marcar estabelecimentos comerciais, hospitais e escolas perto do local do imóvel, além de permitir a publicação de uma quantidade ilimitada de anúncios de propriedades e fotos. É possível incluir a localização em mapa e, nas cidades brasileiras onde o serviço existe, também utilizar o Google Street View para que o interessado possa ter uma ideia melhor das redondezas antes de decidir agenda uma vista. 
Imóvel à Venda (http://imovelavenda.com.br/): o anunciante pode publicar quantos imóveis desejar, inserir até 50 fotos, vídeo do YouTube e link para mapa de localização. O contato pode ser feito diretamente com o interessado sem a intermediação de um corretor ou de uma imobiliária. 
Lugar Certo (http://www.lugarcerto.com.br): o plano grátis cobre somente 60 dias e é anunciado somente na internet. O anunciante tem permissão de incluir 15 fotos e um vídeo. Porém, o anúncio passa por análise de um moderador. 
Portal das Imobiliárias (http://www.portaldasimobiliarias.com.br): o site permite número ilimitado de imóveis e de fotos e acesso para visualização em mapa. O contato com o cliente é direto. 
Site dos Corretores (http://www.sitedoscorretores.com.br): o plano gratuito permite incluir até dois imóveis, com duas fotos para cada, perfil permanente no site e contato direto com o cliente. 
Super Achei (www.superachei.com.br): permite que os anunciantes enviem até 30 fotos, publiquem uma lista de características do imóvel e incluam um link para visualização em mapa. No caso de aluguel de imóveis, o anunciante pode marcar em um calendário os dias em que o imóvel estará ou não disponível para locação. 
Imóveis Virtuais (http://imoveisvirtuais.com.br/): o site permite somente textos e número limitado de dez textos para cada página. O contato do interessado com o anunciante é direto. 
Cuidados
Quem tenta vender um imóvel sem a intermediação da imobiliária deve tomar alguns cuidados. O primeiro deles é com a segurança, já que será necessário permitir que pessoas estranhas entrem em uma residência sem presença de um corretor para acompanhar a visita.
Outro cuidado é com a documentação e a parte burocrática da transação. Grandes imobiliárias sempre possuem um advogado que será responsável pela elaboração do contrato de compra e venda e estará disponível para tirar as dúvidas dos vendedores. Quem contrata a imobiliária só deve pagar a comissão pela transação no final do processo para que haja a garantia de que a empresa o ajudará até o último momento nas eventuais dificuldades que surgirem.
Outras formas de divulgação
A internet é uma ferramenta fundamental na hora de procurar um imóvel. Uma maneira de divulgar sem gastar muito é anunciar em blogs, guias de endereço e redes sociais.
Também é possível utilizar o Google Adwords, que é um serviço do Google onde o usuário paga para aparecer em links patrocinados quando alguém procura por palavras chaves, como imóveis. Porém, esse recurso só é possível para quem já tem um site.


0 comentários:

Postar um comentário