segunda-feira, 19 de dezembro de 2011

Planos dificultam acesso à cirurgia

Ações judiciais contra planos de saúde para exigir o direito de passar pela cirurgia bariátrica se tornaram frequentes, de acordo com a Aussesp (Associação dos Usuários de Plano de Saúde do Estado de São Paulo).


Para o advogado especializado em saúde (...), os planos costumam impor certas condições que limitam o perfil do paciente candidato à cirurgia.


Uma dessas condições é que o paciente tenha dois anos de tratamento clínico frustrado para emagrecer e estabilização do peso.


- É um contrassenso: ninguém ganha peso do dia para noite. Se a pessoa nunca conseguiu ter estabilidade de peso, depois que se torna obeso mórbido, também não vai atingir essa estabilidade.


Outra queixa frequente dos pacientes em relação aos planos é o fato de dificultarem o acesso à cirurgia por videolaparoscopia, método menos invasivo.

Mas o diretor da Aussesp, Flávio de Ávila, garante que "os médicos são submetidos a pressão para que não falem sobre a possibilidade desse método".


Fonte: R7


Mais informações.

0 comentários:

Postar um comentário