terça-feira, 4 de outubro de 2011

Justiça precisa equilibrar direitos coletivos

STJ Cidadão: Justiça precisa equilibrar direitos coletivos e individuais para garantir o acesso a saúde
Está na Constituição: todo cidadão tem direito a saúde. O acesso deve ser universal e igualitário. Mas, na maioria dos hospitais públicos brasileiros, a sensação experimentada pelos pacientes e familiares é de desrespeito. Faltam leitos, remédios, equipamentos, médicos. E o tempo de espera para ser atendido às vezes é mais longo que o tempo de vida.

As ações na Justiça para conseguir cirurgias, medicamentos de alto custo e exames especiais são cada vez mais comuns. E impõem um desafio aos magistrados: como garantir o direito individual sem inviabilizar um sistema criado para a coletividade? Essa discussão é tema do programa semanal de TV do Superior Tribunal de Justiça, o STJ Cidadão.

A edição traz ainda uma reportagem especial em comemoração ao dia nacional da cidadania, celebrado em 5 de outubro. Você sabe quais são os valores inerentes a esse conceito? E quais os direitos e deveres de um cidadão? O assunto também é destaque de uma entrevista com o presidente do STJ, ministro Ari Pargendler.

Para assistir ao vídeo do STJ Cidadão, clique aqui.
Mais informações.

0 comentários:

Postar um comentário