sábado, 3 de setembro de 2011

FCVS pode ser ampliado

Esqueleto do FCVS pode ser ampliado em R$ 15 bilhões


14 de junho de 2011 | 0h 00 - Edna Simão - O Estado de S.Paulo


O esqueleto do Fundo de Compensação de Variações Salariais (FCVS) pode ser ampliado em pelo menos R$ 15 bilhões por causa das decisões judiciais que exigem do governo federal assumir o saldo residual de todos os financiamentos imobiliários até 1990 no âmbito do Sistema Financeiro de Habitação (SFH). Atualmente, o rombo do FCVS reconhecido pelo Tesouro é de R$ 182 bilhões, mas pode chegar a R$ 197 bilhões se as ações judiciais não forem revertidas.

O governo entende que o FCVS teria de arcar com o saldo devedor de apenas um contrato por mutuário. Para a Justiça, porém, todos os contratos feitos até o fim de 1990 pelo SFH, sem restrições da quantidade por mutuário, devem ter o resíduo coberto pelo fundo. Segundo a gerente executiva da Caixa, Cássia Martins, essa avaliação do Judiciário preocupa, pois quitar vários contratos de um mesmo mutuário eleva o rombo do fundo em mais de R$ 15 bilhões.

0 comentários:

Postar um comentário